12out/20

Infância Roubada

Por: Eliana Rezende Bethancourt Roubam-se infâncias. Expropriam-se direitos e vidas.Do lado de fora, guerra e ruínas, pouco para comer, trapos para vestir, feridas para cuidar. Janelas sem vidros, paredes cobertas de mofo. ParaRead More…

29jun/20

Pelas Janelas do Confinamento

Por: Eliana Rezende Bethancourt Sempre gostei de pensar sobre como uma fotografia funciona a partir do enquadramento que o fotógrafo nos oferece. O fotógrafo hábil é aquele que consegue recortar e enfocarRead More…

25Maio/20

Você ainda Escreve Cartas?

Por: Eliana Rezende Bethancourt Provavelmente se você for de uma geração que passou pelo analógico dirá que parou há muito tempo. E se for de uma geração um pouco mais recente dirá queRead More…

19mar/20

Empatia e gentileza: para quê, para quem e porquê?

Por: Eliana Rezende Bethancourt Há tempos quero falar sobre estas duas características, cada vez mais raras e quase sempre tão confundidas. A dificuldade se dá exatamente porque no mundo corporativo elas parecem cederRead More…